Gasolina e diesel atingem menores patamares do ano na bomba, diz ANP

25/03/2020

Valor Econômico

O preço da gasolina, nas bombas, recuou na semana passada para o seu menor patamar desde o fim de novembro de 2019, em valores nominais. No caso do diesel, trata-se do valor mais baixo desde setembro do ano passado, segundo o levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).
Apesar de os preços terem atingido o seu melhor momento no ano, para os consumidores finais, a queda ainda é tímida em relação aos reajustes da Petrobras, nas refinarias.
Segundo a ANP, o litro da gasolina era vendido, em média, no Brasil, na semana passada (15 a 21 de março), a R$ 4,486, o que representa uma queda de 0,6% ante a semana anterior e de 1,1% frente a um mês atrás (semana entre 16 a 22 de fevereiro).
Já o litro do diesel S10 era vendido, na média, a R$ 4,680 na última semana, recuo de 0,7% nas bombas frente à semana anterior e de 2,7% em relação aos preços nas bombas há um mês atrás
Para efeitos de comparação, a Petrobras fez dois cortes nos preços dos combustíveis, nas refinarias, nos últimos dias 13 (-9,5% na gasolina e -6,5% no diesel) e 19 (-12% na gasolina e -7,5% no diesel).
As reduções praticadas pela estatal seguem a tendência internacional. Nas últimas semanas, houve uma queda abrupta dos preços do barril do petróleo, em função dos efeitos da disseminação da covid-19, do lado da demanda, e da disputa de preços entre Arábia Saudita e Rússia. Nesta segunda-feira (23), o barril do tipo Brent fechou o pregão em Londres 
 

Compartilhe esta notícia

Sincopetro Vídeos


DECLARAÇÃO DO SINCOPETRO SOBRE CRISE CORONAVÍRUS

Já sou cadastrado no site


esqueci minha senha

ou

Não tenho cadastro no site


Se você já é sócio do Sincopetro e não tem acesso a área restrita deste site, cadastre sua senha.





Newsletter


cadastre-se para receber nossa newsletter